sexta-feira, 11 de abril de 2008

E a Vida continua - e seus Ciclos também - e assim Vivo...


Foto: Banda inglesa Placebo, 1996, ainda nos tempos do Robert Schultzberg como baterista (o rapaz com as mãos nos olhos). E assim continuou com o Brian Molko como vocalista, guitarrista, efeitos (o lindo que está com a mão na boca), Stefan Olsdal como baixista, guitarrista, tecladista, backvocal (o "rapaz" com os dedos no ouvido) e em 1998 entrou como baterista o Steve Hewitt, mas o mesmo deixou a banda por diferenças pessoais e musicais. Daqui uns tempos o Placebo termina para o sempre, entrando na corrente como bandas que faliram por falta de criatividade, uma vez que obtinham tal qualidade no início da carreira, e isso se deve ao fato de participarem do modismo atual, ou seja, viraram banda de emo, antigamente new metal e mais antigamente ainda grunge e ainda mais atrás rock melódico. Pelo menos eu tenho minha mente em limpeza neste plano, já que eu realmente curtia eles na época do rock alternativo e quando eles realmente inovavam e assim quando realmente as músicas deles eram diferentes. Escreverei mais abaixo a explicação desta foto.


Hoje pretendo resumir mais. Vamos lá, encontrei alguns jovens muito legais de um grupo católico e eles fazem até aquele trabalho nos hospitais, tipo os "Palhaços da Alegria". Já que a Legião é um pouco parada neste ponto, digo em entusiasmo juvenil, entrarei para o mesmo grupo e percebo que lá encontrarei amigos que tanto desejo. Assim fiz a minha cirurgia dos cisos e assim ninguém veio em minha casa me visitar, digo aqueles que se dizem serem fraternos e se dizem gostar de mim. Amigos, não, é apenas uma questão de "sempre estar um no coração do outro e sempre na oração". Me disse isso alguém que me ligou e pediu desculpas por não ter vindo aqui me visitar, aliás, até veio, mas a mesma pessoa iria ficar uns 30 míseros minutinhos por causa dos seus inúmeros compromissos, mas não tinha ninguém aqui em casa... Já não sei até que ponto isso é de uma forma sincera ou se é por mera obrigação de uma pessoa caridosa. Eu não quero pensar assim, machuca muito os meus sentimentos. Quero ser útil como pessoa e me sentir assim e não ser útil por aquilo que sei fazer, pelos meus dons. Assim parece que só sirvo para isso e para mais nada. Quero amigos e não colegas que não se preocupam com você e nem conversam, não partilham o dia a dia e nem contam os seus problemas para podermos ajudar um ao outro. Como já disse diversas vezes, não vou sair da Legião, mas vou ficar um tempo em experiência nesse outro grupo e se eu me engajar e ver que é isso que quero, vou virar membro auxiliar e assim sempre que puder estarei presente na tal.

O intensivão começa na semana que vem, aumentaram as vagas da UnB, mas para o sistema universal apenas. Com essa invasão daqueles jovens universitários na reitoria da mesma, é bem capaz de adiarem o vestiba e tomara mesmo, já que está bem em cima, será nos dias 14 e 15 de junho. Se isso acontecer, terei mais tempo para estudar. Quero Psicologia mesmo e com as graças de Deus farei meu tão sonhado e almejado curso de Psicanálise.

Ontem uma colega da Instituição Burguesa (Colégio Militar) me ligou. Fiquei muito feliz e vi que existem pessoas que gostam de mim e é apenas uma questão de busca e de estar nos lugares certos. Isso já faz parte dos meus planos, buscarei e assim pretendo ser feliz. Buscarei também a minha fé e a minha capacidade para poder passar enfim no vestibular e dar isso de presente para os meus pais, estes que tanto me apoiaram até em todas as merdas que já fiz em relação aos estudos, ao segundo grau.

E assim Vivo. A Vida continua em todos os planos e ciclos e assim faço e farei de tudo para continuar Nela e em suas Felicidades. Não quero ver, ouvir e falar com aqueles que fingem perante a mim, como na foto acima, mas quero ver, ouvir e falar com quem está disposto a viver a Vida como eu quero viver.

Depois que eu fizer o vestibular, escrevo alguma coisa aqui e por enquanto, até breve.


Sigo desta forma: Alguma de minhas composições e, logo após, algum pensamento, poema, texto que admiro. É isso.


Hoje, em especial, colocarei dois poemas que escrevi recentemente.

Rito Em Louvação Aos Dois Primeiros Sentimentos De Deus -
SMITH (Eu), 13/03/2008.

O que é desfrutar dos sentimentos conscientes,
O que é desfrutar dos sentimentos inconscientes,
O que é aprender a amar, cuidar e zelar.

Através do amor, perceptível é o vale da sensatez,
Através do amor, percebe-se aquilo que é sensato.
Pelo imediatismo, perceptível é o vale da insensatez,
Pelo imediatismo, percebe-se aquilo que é insensato.

E sim, ambigüidade,
Sensatez, Insensatez.
Ambigüidade,
Sensatez, Insensatez.

Mas valerá aquela que transforma,
Valerá aquela que transforma a Vida.
A Vida.

Como sensatez, amo,
Como sensatez, sou capaz de amar.
Como sensatez, sinto,
Como sensatez, sou capaz de sentir a Vida plena.

A Vida.
A Vida...
A Vida.
A Vida...
A Vida.
Vida...


Fato Não Revelado - SMITH (Eu), 04/03/2008.

Pela vastidão do plano,
Talvez encontre um fim.
Pelos inúmeros desgastes,
Talvez encontre uma solução.

A Vida é baseada naquilo que convém.
Somos baseados por esta Vida:
Leis e obediências a alguém.

Miragens são apenas miragens,
Igualdade é apenas um substantivo-comum.

E ainda em mente:
Queria que todos soubesse o dom de persistir.

Pela pertinência humana,
Talvez a encontre ainda.
Pela solução humana,
Talvez a encontre ainda.

Assim, a capacidade poderá existir,
O domínio, a tolerância.
Temos apenas nomes expostos,
Mas nada é praticado.

Que seja feita a fusão:
Aceite qualquer distinção,
Aceite qualquer modo de Vida.
Assim esta será sã.


Hoje, em especial, colocarei alguns tópicos da Psicanálise, um tópico meu e uma letra de música.

Tópicos:
* "Iste ego sum! Sensi, nec me mea fallit imago." (Ovídio)
"Tu és eu mesmo! Percebo, já não me engana minha imagem."
* Fórmula Etiológica de Freud:
Constituição Sexual (vivência pré-histórica) + Vivência Infantil =
Pré-disposição Por Fixação Libidinal + Vivência Acidental Traumática-Adulto
* "O conceito de inconsciente esteve durante muito tempo batendo à porta da psicologia e pedindo que a deixasse entrar. A filosofia e a literatura entretiveram-se freqüentemente com ele, mas a ciência não era capaz de lhe descobrir qualquer vitalidade." (Freud)
* Assim eu penso, tudo o que eu quero num parâmetro só, Filosofia, Literatura, Antropologia em Psicanálise. Assim escolhi viver nisso.


Wake Up - Alanis Morissette

Acorde (tradução)

Você gosta de frio, mas só quando está quente.
Você gosta de chuva, mas só quando está seco.
Nenhum valor sentimental na rosa em que caiu
E nenhuma desculpa elementar a garantia que foi me dada.

Porque é simples não fazer,
Tão mais simples não fazer
E o que vai embora nunca volta prá você...

Você gosta de dor, mas se apenas não machucar muito.
Você senta e espera para receber.
Há uma atração óbvia no caminho de menos resistência em sua vida.
Há uma aversão óbvia, nem a minha árdua insistência poderia fazer você tentar.

Porque é simples não fazer,
Tão mais simples não fazer
E o que vai embora nunca volta prá você...

Prá você, prá você, prá você, prá você, prá você...
Não há amor, não dinheiro, não há sentimento.

Há um menino desprotegido, apreensivo e trêmulo com as mãos na mente
E uma pequena menina subestimada e impaciente acenando, adeus.

Mas é simples não fazer,
Tão mais simples não fazer nada
E o que vai embora nunca volta prá você...

Prá você, prá você...

Levante-se, levante-se, levante-se e caia fora.
Levante-se, levante-se, levante-se e caia fora.
Saia, saia daqui, já foi o bastante.
Levante-se, levante-se, levante-se e caia fora.
Acorde!


3 comentários:

Wendel de Holanda (Vagalume) disse...

legal... um blogger bem musical... eu tenho tb este intenção de fazer um blogger tipo um "fanzine"... ainda vou fazer.... bjos!!

Bob "Tylan" disse...

SMITH! DEPOIS DE ANOS!
prometi que no feriado ia olhar seu blog e cumpri! mto fera tudo o q oc escreveu... sem palavras! saiba q tem sempre seu amigo doido akê uai! o q é seu tá guradado fia, soh aeh! huahuhuahuahuahuahua!!!
bãos tempos... saudades...
dipois nóis proseia mais certim??
AMO-TE SMITH!
BJOS!!!

césar, o gusmão disse...

Buenas para vc!

As carteiras de varias instituições de ensino sabem desse seu codigo canônico "smith blurry oblivion" e das demais frases associadas escritas abaixo do mesmo... Calma! São apenas elogios! Alguns amigos meus e assim como eu sempre comentamos sobre isso... Vc ja estudou em qnts colegios e cursinhos pre-vestibular aqui em Bsb? Mt interessante esse vinculo seu com as carteiras...
Eu moro perto de vc assim sei porque tinha tbm "Cruzeiro Novo" escrito perto do codigo... Foi na carteira do CESAS caso vc ñ lembre... Pensei q tu fosse homi... hehe... Bem q eu lembro de vc no CESAS no ano passado e pela aquela foto do teu perfil mesmo embassada pude perceber e lembrar de vc... massa...
Eu digitei "smith blurry oblivion" no goooogle e por "coincidencia" encontrei este seu blog e vc escreve muito bem por sinal... Encontrei relações pessoais ligadas as suas, as vivencias de cada dia... Pensei q eu fosse o unico diferente de todos... Bom vc me entende... futura
p s i c a n a l i s t a
ufffa quase ñ saiu essa ai... hehe...
E então ate breve... beijão...

me desculpe pelos erros de orto e pela escrita sem nexo... vc escreve mt bem e vai perceber isso de cara ja...