domingo, 2 de março de 2008

O que é a Vitalidade Humana? ...

Foto: Alanis Morissette, ex-cantora de rock auto-protesto e atualmente é cantora de músicas melancólicas. Isso ocorreu depois que ela cortou o cabelo e veja como algumas madeixas a menos pode deixar uma pessoa tão diferente... Digo por experiência própria pois o meu cabelo era maior do que o dela e quando comecei a cortar fiquei mais sensível e vi o quão prazeroso é desabafar através da escrita, das palavras. Sei que isso não tem nada a ver, mas mexe um pouco com o psicológico sim, tanto que estou deixando o meu cabelo crescer novamente e pretendo deixá-lo do tamanho de antes. Hum, mas qual será a exata explicação para tal foto? Escreverei sobre isso mais abaixo e isto justificará o título desta postagem.


Minha Vida está dentro dos parâmetros normais. De segunda a sexta fico a tarde inteira e uma parte da noite estudando na BDB para o grandioso vestiba da UnB de junho. Em alguns dias da semana, quando volto de lá, faço trabalhos legionários do grupo da Igreja que participo, a Legião de Maria Juvenil. Aos sábados tenho reuniões da mesma e aos domingos vou a missa pela manhã e às vezes a tarde poderá ter algum trabalho legionário. Estou pensando em entrar num grupo tipo aquele "Palhaços da Alegria" que vão aos hospitais levar carinho, atenção e como o próprio nome já diz, alegria. Ontem vi no jornal local da noite uma reportagem sobre eles, mas me esqueci o nome do grupo... Só sei que eles visitam o HUB, o hospital da UnB.

Pois bem, em abril vou entrar para o intensivão, daí depois que eu estudar na biblioteca, irei direto e o curso vai até às 23h. É, pode ser um desgaste, mas eu tenho que passar por isso, sei que o valor no futuro será bem maior. Ah, sim, vou tirar os quatro cisos sem ser a semana que vem, na outra. Vou ter que perder quase uma semana de estudos, mas fazer o quê, a saúde é mais importante. Disse-me o dentista que eles podem virar um cisto mais tarde... Então é melhor tirar de uma vez.

Agora falemos de minha Vida social e claro, ela está relacionada com o título da postagem e com a foto da Alanis. As minhas repentinas tristezas sempre estão relacionadas a minha Vida externa, aos seres humanos. Olha, sei que tem muitas pessoas que gostam de mim, inclusive na Igreja. Mas e depois? Digo em relaçã0 o meu cotidiano, não convivo com ninguém. Por isso que estou pensando em entrar para o grupo mencionado acima, preciso conhecer mais pessoas e que sejam diferentes. Aqui no Cruzeiro Novo, lugar onde moro, tem tantos jovens, eu vejo muito no ônibus... Mas todos são tão fechados, assim como eu. No cursinho, por exemplo, não consegui me enturmar com ninguém e se não fosse a minha ex-vizinha, que entrou depois, eu ficaria o semestre inteiro sem falar com nenhum indivíduo.

Agora, o que é viver, o que é a Vitalidade Humana? O que é preciso para se viver bem? Ter fé e conseqüentemente uma religião, ser eficaz nos estudos, no trabalho, enfim, no cotidiano ou é uma questão de ter grandes relacionamentos, grandes amizades? Ou será que é tudo isso junto?

Pois eu digo, é tudo isso junto. Se ficarmos de braços cruzados, ou amarrados como na foto e de boca fechada, ou lacrada como na mesma, nada virá ao nosso encontro. Temos de correr e correr atrás, mas como se faz isso? Eu tento me relacionar há 3 anos, este é o tempo que estou morando aqui em Brasília, e nunca consegui arrumar um amigo verdadeiro, aquele para todas as horas, para todos os momentos.

Ter paciência e acreditar no Tempo de Deus ajuda, eu sei que ajuda. Mas... Eu necessito disso agora. É tão degradante ter que olhar para o seu dia a dia e ver que não tem ninguém a sua volta, para esses momentos. Estou encaminhando meus estudos e eu sei que com as graças de Deus eu irei conseguir passar em Psicologia, já me decidi. Não irei desistir de um sonho, "(...) Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena acreditar no sonho que se tem. (...)", como diria uma música do grande e eterno Renato Russo. Agora eu quero encaminhar minha Vida social. O que tenho que fazer? Correr atrás, como eu mesma já escrevi. Sim, providências já estão em mente, agora é apenas uma questão de encontrar as pessoas certas e assim, a questão estará no fato de ser feliz e mais nada.

Pareço com uma adolescente idiota de 15 anos de idade, mas, se pararmos para pensar, todos os jovens de hoje em dia, até 25 anos de idade, ainda não encontraram sua verdadeira identidade, digo no campo dos estudos ou no campo social. Eu apenas faço parte dessa corrente, a qual muitos não assumem e se dizem feliz... A felicidade utópica pode até existir na Vida de muitos, a pessoa finge ter uma família perfeita, amigos perfeitos e uma carreira perfeita. Mas a verdadeira felicidade quase ninguém desfruta dela ou melhor, ninguém... A perfeição não existe neste plano vital, é algo pertencente ao paraíso celeste e poucos irão saber o que é viver lá.


Sigo desta forma: Alguma de minhas composições e, logo após, algum pensamento, poema, texto que admiro. É isso.


Comecei a escrever poemas, me inspirei no Augusto dos Anjos, no Carlos Drummond de Andrade, na fase do Ultra-Romantismo, do Simbolismo e por aí se vai. Espero que gostem.

"CARNEOFICINA" - SMITH (Eu), 27/02/2008.

Espia-nos, como é belo!
Espia-nos, como isso é belo!

Passam os tumultos,
Passam as revelações,
Passa a consternação
E ainda, por pertinência,

Espia-nos, há beleza!
Espia-nos, a beleza!

Virou-se de pernas pro ar,
Virou-se retorcido,
Virou-se para os lados.

Queria que a pertinência fosse real.
Queria que todos soubessem do dom de persistir.
E, por controvérsias dos caminhos vitais,

Espia-nos, como você é belo!
Espia-nos, como sua carne é bela!



Meu Deus, me dê a coragem - Clarice Lispector
(Poema arranjado pelo Padre Antônio Damázio)

Meu Deus, me dê a coragem
de viver trezentos e sessenta e cinco dias e noites,
todos vazios de Tua presença.
Me dê a coragem de considerar esse vazio
como uma plenitude.
Faça com que eu seja a Tua amante humilde,
entrelaçada a Ti em êxtase.
Faça com que eu possa falar
com este vazio tremendo
e receber como resposta
o amor materno que nutre e embala.
Faça com que eu tenha a coragem de Te amar,
sem odiar as Tuas ofensas à minha alma e ao meu corpo.
Faça com que a solidão não me destrua.
Faça com que minha solidão me sirva de companhia.
Faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar.
Faça com que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.
Receba em teus braços
o meu pecado de pensar.

2 comentários:

elvisssss... disse...

hii my beautifuuuuuul girlrlrlrlll!!!

thanks pelas palavras que tu me disse ontem no tel viu...como tu jah sabe estou com mta mta mta mtaaaaa saudade de oc...naum aguento mais fikar em goia...toh louko pra vortar pra ai...
tu escreve beim d+++++++!!! eu jah disse isso varias xs...eu sou teu amigo tah...eu sei q eh dificil arrumar outro como eu hehe mas eu toh aki e vou vortar soh naum sei qndu...mas aproveite q tem pessoas q gostam de tu...olha pra mim tenho um monte de amigos q soh servem pra ir nas gandaias mas na hora q eu preciso kd?? naum tenho ninguem e graça a deus q conheci oc...temos um pelo outro msm agora taum distante...hehe 3 horas de viagem...bah jah escrevi mto...tu jah deve estar cansada de ler isso aki...hj nem fui pra facul e toh de besteira aki no ape sem ninguem e dai lembrei de tu e como eu sou pobre e naum posso fikar gastando tel resolvi desabafar por aki no teu blogui msm se oc demorar 3 meses pra ver minhas besteiras aki pelo menos oc vai ver um dia...
baums...eh isso ai...
ti amu d+++++++++++!!!
imensidão de saudadesssss!!!
do teu sempre eterno (hehe) ELVISSS!!!

elvisssss... de novo disse...

PSSS.: agora saum meio dia e 10 tah... depois tu vai achar q eu sou mentiroso...hehe...sou bobo msm...
beijaummmm (esqueci de mandar)